O Óleo Lubrificante Grau Alimentício e o que você precisa saber a respeito

Para que um óleo lubrificante seja considerado atóxico e possibilite o seu uso em uma indústria alimentícia, as matérias-primas que o compõem devem ser listadas e aprovadas para tal uso, pois tais produtos não podem transferir odor, sabor, cor, ou interferir na qualidade do alimento processado, e muito menos ocasionar problemas ao consumidor final do produto.

No mercado há dois principais órgãos que regulam e fiscalizam a qualidade do óleo lubrificante grau alimentício que são o F.D.A. (Food and Drug Administration) e o N.S.F. (National SanitationFundation), ambos órgãos com atuação inicial na regulamentação do mercado Norte Americano, e que se tornaram referência para demais empresas produtoras de óleo lubrificante atóxico e das fabricantes de alimentos.

Cabe informar que recentemente aqui no Brasil, a A.N.P. (Agência Nacional do Petróleo), também passou a gerenciar a qualidade do óleo lubrificante para a indústria alimentícia disponibilizado no mercado interno, obrigando os fabricantes destes produtos a obterem inicialmente a certificação ISO 21.469***, antes de solicitar o registros destes produtos neste órgão.

*** A Certificação ISO 21.469 é específica para fabricantes de lubrificantes e certifica que a fábrica tem condições de projetar, desenvolver, fabricar e fornecer óleo lubrificante para indústria alimentar seguros, no caso de contato incidental com o produto. Tal certificação também abrange a segurança das máquinas e os requisitos de higiene necessários para a produção de um óleo atóxico lubrificante.

Quais Óleos Lubrificantes Atóxicos são aprovados para uso alimentar?

A indústria de alimentos utiliza vários tipos de produtos que necessitam possuir elevada pureza e mínima toxidade. Podemos citar os desengraxantes, desengripantes, diversos produtos para a manutenção fabril além de graxa e do óleo lubrificante atóxico.

Focando o nosso texto no óleolubrificante grau alimentício, podemos dizer que os principais são classificados em dois tipos:

– H1 – óleo lubrificante grau alimentício que pode ter contato acidental com o alimento;

– H2 – óleo lubrificante alimentício que não pode ter contato, nem acidental, com o alimento.

Há ainda um terceiro tipo de classificação para o óleo atóxico lubrificante:

3H -que envolve os óleos que são adicionados e incorporados ao produto final, como os óleos comestíveis ou os lubrificantes solúveis, mas não iremos neste texto discorrer sobre os mesmos.

Sobre o óleo lubrificante alimentício, é fundamental que os profissionais de manutenção da indústria alimentícia tenham o perfeito conhecimento do processo fabril, para saber escolher o lubrificante adequado para cada processo, conhecendo a categoria atóxica que cada lubrificante se enquadra, e exigindo do fornecedor do óleo lubrificante para indústria alimentaras documentações comprobatórias da qualidade de cada produto eas informações sobre as suas limitações de uso.

A certificação N.S.F. e a F.I.S.P.Q. (Ficha de Segurançado Produto Químico) do óleo lubrificante para indústria alimentar são os principais documentos que podem comprovar a qualidade do produto.

Que tipo de Óleo Lubrificante Grau Alimentício deve ser utilizado em um equipamento fabril?

A indicação do óleo lubrificante grau alimentício mais para apropriado para determinado equipamento deve ser feita pelo fabricante deste. Mas na ausência de tal informação, de um manual do equipamento, o profissional da manutenção da indústria alimentícia nunca deve tentar adivinhar o tipo lubrificante a ser utilizado. Na falta de informações, a melhor opção é consultar um fabricante de óleo lubrificante atóxico que tenha renome, transmita confiança e tenha larga experiência na comercialização de lubrificantes para o mercado industrial.

Informamos que a CADIUM é uma empresa fabricante de lubrificantes industriais com mais de 25 anos de atuação. Saiba que adquirimos no início de 2022 um novo parque industrial, para comportar a diversificação de nossa linha de produtos, inclusive os dos produtos voltados para o seguimento alimentício e farmacêutico.

Conheça a nossa linha de óleo lubrificante atóxico, de desengraxante atóxico, de óleo branco mineral alimentício e da vaselina sólida farmacêutica, produtos que já comercializamos no mercado nacional a mais de 15 anos. Os nossos produtos são formulados com compostos que não representam ameaça à saúde dos consumidores, podendo inclusive sofrer o contato incidental com alimentos durante o processo produtivo.

A CADIUM é uma empresa genuinamente nacional e de referência no mercado em lubrificantes industriais e produtos para a manutenção fabril. Consulte-nos!

 

YouTube video

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *