Óleo para Repuxo: escolhendo o produto ideal

No processo de laminação e conformação a frio, o óleo para repuxo é um item importante no processo. Hoje estão disponíveis no mercado vários tipos de óleo para conformação a frio, entre os quais destacamos o óleo para repuxo de chapa de base sintética, o óleo para repuxo de metais de base vegetal, o óleo para repuxo de alumínio base solvente, o óleo para repuxo de alumínio base vegetal, o óleo para repuxo para aço inox base água, além do óleo para repuxo de base mineral.

Apesar das excelentes qualidades que cada um dos óleos para repuxo acima mencionados apresentam, neste blog iremos destacar a utilização do óleo para repuxo de base mineral, que apesar das suas limitações, apresenta um ótimo custo benefício e por isso ainda é largamente o mais utilizado pela indústria metal-mecânica.

Óleo para Repuxo: vantagens e desvantagens

O óleo para repuxo de base mineral também é conhecido no mercado pelas denominações de óleo integral para estampagem, óleo para estamparia integral, óleo mineral para estampagem ou óleo mineral para repuxo.

O óleo de repuxo é formulado a partir da mistura de óleos básicos minerais parafínicos e aditivos, entre eles o EP (de extrema pressão), conferindo ao produto uma elevada lubricidade e adesividade, proporcionando uma alta resistência da película.

  • Vantagens do uso do óleo para repuxo de base mineral:
    • Óleo de repuxo que apresenta o menor custo em relação a outros fluídos alternativos;
    • Devido à sua viscosidade mais elevada, o óleo para conformação e repuxo apresenta uma excelente dissipação do calor;
    • A sua formulação propicia um lubrificante para estampagem com baixa formação de névoa;
    • Óleo para repuxo que obtém excelente resultados na conformação de metais ferrosos e não ferrosos, principalmente nas operações de repuxo com médio e profundo grau de dificuldade.
    • Óleo para repuxo de aço inox com elevada proteção anticorrosiva temporária, que dispensa o uso de óleos protetivos no decorrer do processo;
    • Óleo de repuxo de alumínio disponível em viscosidades média e altas e até em versões laváveis;
    • Lubrificante para estampagem e repuxo que adere uniformemente nas chapas a serem estampadas;
    • É um óleo para repuxo de metal que não mancha o alumínio, o cobre e nem o latão.
    • Óleo lubrificante de repuxo que também pode ser utilizado em operações de extrusão, trefilação e na conformação de porcas e parafusos de aço;
    • Por apresentar um ponto de fulgor elevado, é um óleo de repuxo de chapa que gera um menor risco de incêndio durante o processo.
  • Desvantagens do uso do óleo para repuxo de base mineral:
    • É um óleo para repuxo passível de ser considerado insalubre, pois contém óleo mineral em sua composição, não atendendo à Norma NR 15;
    • Óleo de repuxo em chapas metálicas que pode necessitar de processo adicional para a sua remoção com o uso de solvente ou desengraxante;
    • Óleo para repuxo que demanda cuidados quando ao seu descarte, pois pode ser considerado agressivo ao meio ambiente em caso de contaminação.

Óleo para repuxo: onde encontrar?

Saiba que a CADIUM possui uma completa linha de óleos para repuxo formulados com todos os tipos de bases comercializadas no mercado. São lubrificantes de estampagem de última geração disponíveis para o atendimento dos mais complexos e severos processos de conformação. Se você está necessitando adquirir ou só obter maiores informações sobre o óleo integral para estampagem, entre em contato com a CADIUM que os nossos colaboradores estarão disponíveis para ajudá-lo. Consulte a CADIUM.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *