Óleo Mineral Branco em Carmo do Rio Verde

O que é um Óleo Mineral Branco?

Normalmente o Óleo Mineral Branco é produzido através do fracionamento e refinamento de derivados do petróleo de origem predominantemente parafínica. O Óleo Mineral Branco sofre um processo de tratamento físico-químico, que remove os componentes contaminantes existentes em sua composição. O Óleo Mineral Branco é um produto derivado do tratamento de Óleos Básicos Minerais.

Quais são as Normas atendidas e as Certificações que possui um Óleo Mineral Branco Grau Medicinal?

O Óleo Mineral Medicinal possui um grau de pureza tão elevado que atende a todos os requisitos para Óleos Minerais da Farmacopéia dos Estados Unidos (U.S.Pharmacopeia – USP) e da Farmacopéia Européia (EP). É um produto recomendado e aprovado para o uso direto em alimentos para consumo humano, por isso é chamado de Óleo Mineral Branco Alimentício. Na indústria plástica o Óleo Mineral Branco Atóxico é aprovado para o uso como plastificante de substâncias poliméricas.

Conheça nossa Linha de Óleo Branco Mineral em Carmo do Rio Verde de Grau USP e Grau Técnico

Para que Serve o Óleo Mineral Branco?

Nos silos de sementes e grãos o Óleo Mineral Branco é empregado para aglutinar o pó gerado no atrito durante o transporte, para assim evitar os riscos de explosões. Para combater pragas e insetos, aplica-se a termonebulização com a queima de óleo, conhecido por fumacê, onde o veículo utilizado na queima é o Óleo Branco Mineral. Na fabricação de graxa e lubrificante atóxico é utilizado o Óleo Mineral Branco como matéria-prima principal.

Como é Obtido um Óleo Mineral Branco Farmacêutico?

O Óleo Básico apesar de sofrer um processo tratamento na refinaria possui em sua constituição contaminantes como enxofre, compostos aromáticos, metais pesados, entre outros, e só com a remoção destes através de processos físico-químicos é que se consegue obter um Óleo Medicinal Branco Atóxico de elevada pureza. Em todos os processos de tratamento aplicados para a obtenção de um Óleo Mineral Branco Farmacêutico, o objetivo se concentra na remoção de todos os compostos contaminantes originalmente existentes nos Óleos Básicos Minerais. No passado o Óleo Básico Mineral sofria um tratamento por Ácido Sulfúrico, até se obter o Óleo Mineral Branco Farmacêutico, mas o grande volume de ácido sulfúrico residual que era gerado tornou a operação inviável economicamente e muito agressiva ao meio ambiente, devido à necessidade de neutralizar e descartar a borra ácida gerada.

O Óleo Mineral Branco e a Vaselina Líquida é um mesmo Produto?

A denominação de Vaselina Líquida não é correta, pois Vaselina é o nome dado a um derivado do petróleo de consistência pastosa, que originalmente se chamava Petrolato Branco. Vaselina é sinônimo de produto pastoso, mas usualmente o termo Vaselina Líquida passou a ser empregado para a definição do Óleo Branco Mineral, só por este também ser um derivado de petróleo. Um Óleo Mineral Branco e uma Vaselina Líquida usualmente são termos usados para definir um mesmo produto, mas tecnicamente ao não se conhecer a origem e o tratamento físico-químico a que ambos foram submetidos, pode se estar querendo comprar um Óleo Mineral Atóxico de alta pureza como um Óleo Mineral Branco Medicinal, e acabar adquirindo uma Vaselina Líquida de Grau Industrial incolor.

Por que o Óleo Mineral Branco é Chamado de Óleo Mineral USP?

A sigla U.S.P. Para o controle de segurança e qualidade dos produtos empregados na indústria farmacêutica, grande parte dos fabricantes se insumos medicinais seguem as regras impostas por seus países de origem e uma grande maioria consumidora de Óleo Mineral Branco USP seguem as regras definidas pelo órgão regulatório dos Estados Unidos. Quando um Óleo Mineral Branco é chamado de Óleo Mineral USP é por que ele possui um grau de pureza tão elevado, que ele pode ser utilizado na fabricação de insumos farmacêuticos.

YouTube video