Óleo Mineral Branco em Barrinha

O Óleo Mineral Branco em Barrinha é Disponibilizado em quais Tipos de Embalagens?

A CADIUM DIVISÃO FARMA disponibiliza para o mercado as embalagens que são mais comercializadas e utilizadas como a Vaselina Líquida Farmacêutica 1 litro, a Vaselina Líquida Farmacêutica 5 litros, a Vaselina Líquida Farmacêutica 20 litros, a Vaselina Líquida Farmacêutica 50 litros e a Vaselina Líquida Farmacêutica 200 litros. As embalagens mais utilizadas pelo mercado em Barrinha dependem do uso para a qual o produto é destinado, pois para uso junto às farmácias de manipulação, a Vaselina Líquida Farmacêutica 20 litros é a embalagem mais utilizada em Barrinha, sendo que junto às indústrias em geral, a Vaselina Líquida Medicinal Tambor 200 litros é mais consumida. As grandes empresas fabricantes que atuam no segmento cosmético, farmacêutico e alimentício normalmente adquirem o Óleo Mineral Branco em Barrinha a granel, cuja entrega é feita em caminhões tanques com capacidade de 15 m3 e 30 m3.

Por que o Óleo Mineral Branco é Chamado de Óleo Mineral USP?

A sigla U.S.P. Há vários tipos de Óleos Minerais Brancos, que são classificados de acordo com o grau de tratamento a que são submetidos, mas somente o óleo que recebe um grau máximo de tratamento e de purificação, é que pode ser chamado de Óleo Mineral USP ou Óleo Mineral Branco Medicinal. existente no Óleo Mineral USP quer dizer Unidet States Pharmacopeia, ou seja, Farmacopéia dos Estados Unidos.

Conheça nossa Linha de Óleo Branco Mineral em Barrinha de Grau USP e Grau Técnico

Quais as Principais Características do Óleo Mineral Branco USP?

Há vários Óleos Minerais Brancos disponíveis no mercado, mas um que atenda às normas de qualidade da Farmacopéia dos Estados Unidos, só o Óleo Mineral Branco USP é que possui esta característica. O Óleo Mineral Branco USP tem um grau de pureza tão elevado que pode ser utilizado sem restrições pela indústria cosmética, alimentícia e farmacêutica. Como característica principal, podemos dizer que o Óleo Medicinal Branco é um produto atóxico e de elevada pureza.

Como é Obtido um Óleo Mineral Branco Farmacêutico?

No passado o Óleo Básico Mineral sofria um tratamento por Ácido Sulfúrico, até se obter o Óleo Mineral Branco Farmacêutico, mas o grande volume de ácido sulfúrico residual que era gerado tornou a operação inviável economicamente e muito agressiva ao meio ambiente, devido à necessidade de neutralizar e descartar a borra ácida gerada. O Óleo Básico apesar de sofrer um processo tratamento na refinaria possui em sua constituição contaminantes como enxofre, compostos aromáticos, metais pesados, entre outros, e só com a remoção destes através de processos físico-químicos é que se consegue obter um Óleo Medicinal Branco Atóxico de elevada pureza. Quando da obtenção de um Óleo Mineral Branco, a severidade de tratamento do processo aplicado sobre o Óleo Básico Parafínico é que definirá a qualidade final do produto a ser obtido: se um Óleo Mineral Branco Grau USP ou se um Óleo Mineral Branco Grau Técnico, óleo de excelente qualidade, mas não é tão puro quanto o primeiro.

O que é um Óleo Mineral Branco?

O Óleo Mineral Branco sofre um processo de tratamento físico-químico, que remove os componentes contaminantes existentes em sua composição. Normalmente o Óleo Mineral Branco é produzido através do fracionamento e refinamento de derivados do petróleo de origem predominantemente parafínica. De acordo com o tipo de tratamento a que é submetido, podemos encontrar 3 tipos de Óleo Mineral Branco em Barrinha: o Óleo Mineral Branco Grau Farmacêutico, o Óleo Mineral Branco Grau Técnico e o Óleo Mineral Branco Industrial.

Para que Serve o Óleo Mineral Branco?

Para combater pragas e insetos, aplica-se a termonebulização com a queima de óleo, conhecido por fumacê, onde o veículo utilizado na queima é o Óleo Branco Mineral. As indústrias de tintas gráficas, de borrachas, de plásticos, químicas, veterinárias, utilizam muito Óleo Mineral Branco em Barrinha na composição de seus produtos. Nos silos de sementes e grãos o Óleo Mineral Branco é empregado para aglutinar o pó gerado no atrito durante o transporte, para assim evitar os riscos de explosões.

YouTube video