Óleo Hidráulico em Nova Era

Óleo Hidráulico

Quais as embalagens disponíveis para o Óleo Hidráulico em Nova Era?

O Óleo Hidráulico 68 além de possuir a viscosidade mais utilizada pelo mercado, o fornecimento deste produto na embalagem de 20 litros é a mais procurada e utilizada em Nova Era. Hoje no mercado o Óleo Hidráulico Industrial é disponibilizado em vários volumes e em diversos tipos de embalagens entre as quais a do Óleo Hidráulico 5 litros, ou Óleo Hidráulico 5 l, ou Óleo Hidráulico 68 5 litros, a do Óleo Hidráulico 20 litros ou Óleo Hidráulico 68 20 litros, além do Óleo Hidráulico 200 Litros, ou Óleo Hidráulico 200 L, ou Óleo Hidráulico Tambor. Para a aplicação industrial a embalagem mais utilizada é a do Óleo Hidráulico 68 Tambor, sendo que nas pequenas empresas a aquisição do Óleo Hidráulico 68 20 litros, tem um maior consumo.

Como escolher o Óleo Hidráulico em Nova Era mais adequado para a operação?

A viscosidade do óleo hidráulico industrial é a mais importante e principal propriedade que deve ser levada em consideração para a escolha de um Óleo Hidráulico, pois ela influencia diretamente na eficiência do sistema e o fator econômico não pode ser o motivo principal para a escolha do Fluído Hidráulico Lubrificante. Para se escolher o Óleo Hidráulico em Nova Era adequado, devem-se conhecer as propriedades físicas e as características de desempenho que o equipamento requisita para a operação, como saber se o sistema requer um Óleo Hidráulico Resistente ao Fogo, um Óleo Hidráulico Biodegradável, ou um Óleo Hidráulico Mineral. A melhor maneira de escolher o Óleo Hidráulico em Nova Era é verificar as instruções do manual do equipamento, onde é mencionado o tipo de lubrificante adequado e a sua viscosidade.

Conheça alguns tipos de Óleos Hidráulicos e sua aplicações

Para que serve o Óleo Hidráulico em Nova Era?

O Óleo Hidráulico em Nova Era tem como função principal a de transmitir força para a movimentação de equipamentos, além de também lubrificar e ampliar a vida útil dos componentes dos sistemas hidráulicos dos maquinários. Os sistemas hidráulicos são muito importantes nos processos de fabricação industrial, pois nenhum outro sistema possui tal eficiência na transferência de energia para áreas de difícil acesso, através de pequenos tubos ou mangueiras cheios com o Óleo Hidráulico. Para uma operação ou um trabalho onde se deseja empurrar, levantar, transportar cargas entre outras operações, o uso de sistemas hidráulicos contendo Óleo Hidráulico em seu interior é um dos processos mais antigos, mais eficiente e mais compacto que existe, sendo utilizado em larga escala em todo o mundo.

O Óleo Hidráulico resseca a Borracha?

O Óleo Hidráulico Mineral contém em sua formulação óleos básicos minerais e estes derivados do petróleo são matérias-primas básicas utilizadas nas formulações de vários tipos de borrachas, atuando como um óleo extensor para borracha e possuindo uma ação plastificante secundária. O Óleo Hidráulico Industrial é utilizado em vários sistemas hidráulicos que possuem anéis de vedação e muitos deste são constituídos de borrachas sem que o óleo venha a atacar estas guarnições e causar vazamentos ou queda de eficiência. Em grande parte dos processos de fabricação das borrachas é utilizado o óleo básico parafínico em sua composição e é de se esperar que o contato superficial desta com o Óleo Hidráulico não afeta o elastômero, onde este acaba absorvendo parte deste óleo mineral aditivado.

Quais são as viscosidades mais comercializadas do Óleo Hidráulico em Nova Era?

A viscosidade mais comercializada e que apresenta maior uso no segmento industrial é a do Óleo Hidráulico 68, que é uma viscosidade intermediária entre todas as viscosidades disponibilizadas pela indústria fabricante de Lubrificante Hidráulico. O Óleo Hidráulico Industrial é disponibilizado em várias viscosidades, desde um óleo de baixa viscosidade como um Óleo Hidráulico Industrial 10 que possui uma viscosidade igual ao de um óleo para máquina de costura, até um Óleo Hidráulico Industrial 460, que é um óleo com viscosidade igual ao de um óleo para câmbio automotivo. O Óleo Hidráulico 10 ou Óleo Hidráulico ´W 10; Óleo Hidráulico 22 ou Óleo Hidráulico SAE 22; Óleo Hidráulico ISO VG 32, ou Óleo Hidráulico W 32, ou Óleo Hidráulico 32; Óleo Hidráulico AW 46 ou Óleo Hidráulico 46 ou Óleo Hidráulico ISO VG 46; Óleo Hidráulico 68, ou Óleo Hidráulico AW 68, ou Óleo Hidráulico HLP 68, ou Óleo Hidráulico HP 68, ou Óleo Hidráulico ISO VG 68, ou Óleo Hidráulico SAE 68; Óleo Hidráulico 90, ou Óleo Hidráulico ISO 90, ou Óleo Hidráulico SAE 90; Óleo Hidráulico 100 ou Óleo Hidráulico ISO 100; Óleo Hidráulico 150 ou Óleo Hidráulico ISO 150; Óleo Hidráulico 220 ou Óleo Hidráulico SAE 220; Óleo Hidráulico 320 ou Óleo Hidráulico SAE 320; além do Óleo Hidráulico 460.

Qual a diferença do Óleo Hidráulico Amarelo para o Óleo Hidráulico Vermelho?

Um Fluído Hidráulico Vermelho pode ser utilizado em sistemas hidráulicos industriais, mas a ANP, a Agência Nacional do Petróleo, que regula a fabricação de produtos derivados do petróleo, não permite que um Fluído Hidráulico Amarelo seja utilizado para lubrificar sistemas hidráulicos automotivos. Normalmente um Óleo Hidráulico Amarelo é formulado com óleo básico mineral e aditivos especiais e é indicado para o uso em sistemas hidráulicos industriais, sendo que o Óleo Hidráulico Vermelho também é formulado com óleo mineral básico, mas por ser destinado à lubrificação de sistemas de direção hidráulica e transmissões automáticas de automóveis, possui uma aditivação exclusiva e recebe uma pigmentação vermelha para diferenciar o seu uso da aplicação industrial. O Óleo Hidráulico Vermelho (tipo ATF) possui uma aditivação diferenciada em relação ao Óleo Hidráulico Amarelo, principalmente para possuir uma excelente tanto nas baixas com nas temperaturas elevadas, para assegurar o correto movimento as transmissões automotivas.

YouTube video